DISCURSO DE POSSE DA DIRETORIA – TRIÊNIO 2019 – 2022


Desembargador Roberto Guimarães

 

Pensava eu sobre a noite desta festiva solenidade, mirando as suaves ondas da belíssima Baía da Guanabara. Veio-me, então, a imagem de que o Instituto dos Magistrados do Brasil, ao completar seus quarenta anos de existência, muito se assemelhava àquele majestoso espelho dágua: ora revolto e fustigado por tempestades, ora calmo derramando suas marolas nas praias ao seu entorno.



Trazido à vida por seus entusiasmados e idealistas fundadores, magistrados deste Estado, o IMB ocupou um espaço até então vazio na arena da discussão e disseminação da cultura jurídica do País através de seus principais aplicadores, os magistrados. E, isto, no mês de março de 1979, oito anos antes da promulgação da vigente Constituição Federal e quando ainda não existiam formalmente as Escolas das Magistraturas Estaduais e Federais.

 

Rapidamente, o Instituto espalhou-se por todos os Estados da Federação e realizou o encontro do pensamento da magistratura nacional através da coleção &ldquoDireito Concreto&rdquo, que conta com 12 edições através da revista &ldquoInVerbis&rdquo, hoje com 22 anos das publicações bimestrais do &ldquoNotícias IMB&rdquo e da edição mensal do &ldquoInforme IMB&rdquo além da realização de palestras, cursos e seminários. Isto, sem descuidar da comunicação com seus associados e a comunidade jurídica através de sua página na Web sempre atualizada.

 

Sofrendo as consequências das crises políticas, sociais e financeiras que assolaram e assolam o País, o Instituto passou por momentos muito difíceis. Mas, nunca esmoreceu. E, a custa de muito trabalho e sacrifício de sua Diretoria Nacional, de seus associados e funcionários e de seus colaboradores e amigos, permanece altivo e ativo em sua missão precípua de discutir e disseminar a cultura jurídica, sempre preocupado com o prestígio e o aprimoramento do Poder Judiciário e da Magistratura Nacional.

 

(Não querendo cansar a ilustre platéia com insípidos relatórios, convido-os a visitar a página do Instituto na internet, onde encontrarão um sumário dos principais eventos realizados pela Diretoria que se despede.)

 

Esta solene investidura dos membros da Administração do Instituto dos Magistrados do Brasil, para o período de 2019 a 2022, bem demonstra sua pujança e a certeza de que dias exitosos se descortinam para seu porvir no cenário da cultura jurídica pátria.

 

Ao meu estimado amigo e presidente, Des. Fabio Dutra, e a todos os membros de sua Diretoria e equipe quero expressar meu sincero desejo e voto de total êxito na orientação e na produção, do que, tenho a certeza, será uma nova, brilhante e realizadora existência para nosso querido Instituto.

 

Por último, com a alma serena de haver realizado tudo o que nos foi possível, quero expressar meu profundo agradecimento a todos e a cada um dos estimados membros da Diretoria Nacional, que tive a honra de presidir nesses dois períodos anteriores. Sem seus apoio e dedicação constantes, sem o esforço incansável dos funcionários do IMB e sem a colaboração de nossos parceiros nos eventos realizados, jamais teríamos recolocado o Instituto em seu merecido lugar no universo da cultura jurídica nacional.


A todos que nos honram com sua presença o meu MUITO OBRIGADO!

 
topo